Quinta-feira, 17 de Dezembro de 2009

Porquê Cardal?

 

 

Porque se chamará Cardal ao Cardal?

Dizem as lendas que será pelos muitos cardos que no século XVII, ainda seriam abundantes neste local, mas seriam mesmo?

A parte plana de Pombal é um terreno de aluvião, pode mesmo ser considerado um terraço fluvial (os geógrafos que se manifestem) tantas são as ribeiras e linhas de água que aqui confluem para o Arunca.

As “guerrilhas” que, naquela última década do século dezassete e primeira do século dezoito, se estabeleceram para conseguir os terrenos para a construção da Igreja, o convento e respectiva cerca, demonstram pelo menos duas coisas:

a) que o terreno era cuidadosamente cultivado;

b) que a ganância do lucro, tão característica dos pombalenses actuais, já, naqueles tempos remotos, era bem clara e manifesta.

D. Luis de Vasconcelos e Sousa (3.º Conde de Castelo Melhor) e seus procuradores nas terras de Pombal tiveram grandes dificuldades para conseguirem transaccionar, por compra, por troca e por cedência de rendas avultadas aos proprietários, os terrenos indispensáveis para a obra.

A Igreja ainda foi sagrada nos últimos anos de vida do Conde, mas o Convento só muito mais tarde pode ser construído e ocupado pelos frades – dez apenas, dizem as crónicas.

Todas as vicissitudes por que passou a construção deste monumento em Pombal, estão documentadas no Arquivo Nacional da Torre do Tombo, em Lisboa.

 

sinto-me: Optimista
publicado por MaiaCarvalho às 13:30
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. 2. SUMÁRIA NOTÍCIA DO ASS...

. A VIDA HERÓICA DO POVO DO...

. O ESTREITO, SUA LOCALIZAÇ...

. 1. O ESTREITO, SUA LOCALI...

. NOSSA SENHORA DO TESTINHO

. CRÉDITOS RESTANTES

. REGRESSO AO TESTINHO

. A IGNORÂNCIA TEM DESTAS C...

. Pormenor de uma Gravura d...

. Igreja de Santa Maria do ...

.arquivos

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds